Temer - O Retrocesso
15/12/2017 16h40

Em posse, Temer pede a Marun 20 horas de dedicação à Previdência

Nesta sexta-feira (15), após alta médica, Michel Temer deu posse ao novo ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun (PMDB-MS). O correligionário entra no lugar do tucano Antonio Imbassahy como forma de mediar conflitos entre aliados. Em seu discurso, Temer pediu dedicação de até “20 horas, se possível” à aprovação da Reforma da Previdência (PEC 287/16).


Temer - O Retrocesso
15/12/2017 14h51

Combate ao trabalho escravo sofreu 'retrocesso histórico'

O governo brasileiro promoveu “um retrocesso histórico” no combate ao trabalho escravo em 2017. A conclusão é de relatório aprovado esta semana pela Comissão de Direitos Humanos (CDH) do Senado. O relator, senador Paulo Rocha (PT-PA), avaliou as políticas públicas para a erradicação do trabalho escravo no país.


Temer - O Retrocesso
14/12/2017 16h47

Movimentos Sociais apoiam campanha pelo fim do teto de gastos

Representantes de vários movimentos sociais disseram em audiência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara nesta quinta-feira (14) que vão fortalecer a campanha pela revogação da emenda constitucional (EC) 95/16, que criou um teto de gastos para os orçamentos anuais. O orçamento de 2018 será o primeiro com o teto de gastos total, pois o de 2017 ainda abriu exceções para saúde e educação. Pela emenda, as despesas podem subir apenas pela inflação até 2036.


Temer - O Retrocesso
14/12/2017 15h26

Alice recorre de golpe em favor do ensino a distância na área de saúde

Na manhã de quarta-feira (13), a Comissão de Educação da Câmara voltou a analisar o Projeto de Lei 5414/16, do deputado Rodrigo Pacheco (PMDB-MG), que proíbe o incentivo do desenvolvimento e veiculação de programas de ensino a distância em curso da área de saúde. 


Temer - O Retrocesso
14/12/2017 14h38

Após gafe de Jucá, agora é oficial, votação da Previdência só em 2018

Depois do mal-estar gerado pelo anúncio prévio do líder do governo do Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), sobre o adiamento da votação da Reforma da Previdência, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), anunciou nesta quinta-feira (14) que a discussão e votação da PEC 287/16 será feita em fevereiro de 2018.

Por Christiane Peres


Temer - O Retrocesso
14/12/2017 12h22

MP da Shell vai à sanção com isenção até 2040

O Plenário da Câmara dos Deputados rejeitou nesta quarta-feira (13), por 206 votos contra 193, a emenda do Senado à Medida Provisória 795/17 que limitava a 31 de julho de 2022 os benefícios do regime especial de importação de bens a serem usados na exploração, no desenvolvimento e na produção de petróleo, gás natural e outros hidrocarbonetos. Com isso, deputados ligados a Temer retomaram o texto original que prevê os benefícios até dezembro de 2040. Agora, a matéria será enviada à sanção.


Temer - O Retrocesso
13/12/2017 19h17

Planalto desmente Jucá e diz esperar votação da Previdência esse ano

Após o líder do governo do Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), anunciar nesta quarta-feira (13) que a votação da Reforma da Previdência tinha subido no telhado e ficaria para fevereiro de 2018, o Palácio do Planalto divulgou uma nota na qual informou que o presidente Michel Temer ainda definirá com os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), a data da votação.


Temer - O Retrocesso
13/12/2017 19h04

Previdência: Jucá aperta botão do pânico e não avisa governo

A realidade atropelou o governo Michel Temer que, diante da falta de votos, se vê impossibilitado de aprovar a reforma da Previdência. O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), apertou o botão do pânico e jogou a toalha ao afirmar, nesta quarta-feira (13), que a votação ocorrerá somente em fevereiro de 2018. 


Temer - O Retrocesso
13/12/2017 13h45

PSDB fecha questão sobre Previdência, mas não punirá quem votar contra

Sob comando do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, a executiva nacional do PSDB decidiu nesta quarta-feira (13), em reunião em Brasília, fechar questão pela aprovação da reforma da Previdência. Apesar da decisão, o partido definiu que não haverá punição aos parlamentares que decidirem votar contra a proposta.


Temer - O Retrocesso
13/12/2017 11h44

Previdência só será pautada quando tiver votos, diz Maia

O vai e vem em torno da data para votar a Reforma da Previdência (PEC 287/16) ainda não teve fim. Apesar de ter anunciado que o texto poderia ser votado na próxima terça-feira (19), Maia já voltou atrás e afirmou nesta quinta-feira (13) que o texto só será pautado quando houver votos para aprovação.

Por Christiane Peres