Vermelho

www.vermelho.org.br

12/06/2019

Estudo do Ipea mostra aumento abusivos dos planos de saúde

Desemprego elevado agrava a situação.  

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou estudo que mostra que os preços dos planos individuais de saúde subiram 382% entre 2000 e 2018, bem acima da inflação, que ficou em 208%. A informação é da agência FSBinteligência.

Para o Ipea, a diferença é ainda maior em relação à inflação da saúde no período, que ficou em 180% excluídos os reajustes de planos de saúde e cuidados pessoais.

Os dados revelam ainda que o atual quadro de desemprego elevado e queda da renda nos últimos quatro anos, fizeram com que mais de três milhões de pessoas deixassem de ter planos de assistência médica.

A Agência Nacional de Saúde Suplementar contestou o estudo e afirmou que considera tecnicamente inadequadas as comparações feitas entre o índice de reajuste dos planos de saúde individuais e índices de preços ao consumidor.