Vermelho

www.vermelho.org.br

27/03/2019

Protesto estudantil faz Bolsonaro desistir de visita à universidade

Na manhã desta quarta-feira (27) os estudantes da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo, organizaram um grande protesto contra a visita do presidente Jair Bolsonaro, que acaboudesistindo de comparecer ao local.

Aos gritos de 'Bolsonaro, seu fascistinha, os mackenzistas vão botar você na linha' os universitários deixaram claro que a presença do capitão ali não era bem quista.

Segundo informações do site BR18, desde terça-feira (26) assessores de Presidência da República já vinham tentando dissuadir Bolsonaro de ir à rua Maria Antônia, endereço simbólico dos confrontos entre estudantes no período da ditadura militar. Protestos vinham sendo anunciados e havia o risco de confronto. A área de segurança do governo, sobretudo o Gabinete de Segurança Institucional (GSI), estava monitorando com preocupação a agenda. Funcionários do Mackenzie já foram informados do cancelamento da visita, que foi excluida da agenda oficial de Bolsonaro.



 




Veja como foi a manifestação dos estudantes: