Vermelho

www.vermelho.org.br

21/03/2012

Chávez confirma que participará da Cúpula das Américas

Nesta terça-feira (20) o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, confirmou que vai participar da Cúpula das Américas, que será realizada em abril em Cartagena, na Colômbia e defendeu que a Aliança Bolivariana para as Américas (Alba) não boicote a reunião.

Chávez em discurso para simpatizantes no Palácio Miraflores/ Foto: Juan Barreto/ AFP

O mandatário reforçou que "essa será a última cúpula chamada 'das Américas' sem Cuba. A próxima não ocorrerá, pois nós não participaremos". A afirmação foi feita com base em conversas que Chávez teve com a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, da Bolívia, Evo Morales, do Equador, Rafael Correa, e do Brasil, Dilma Rousseff.

Leia também:

Paraguai critica exclusão de Cuba na Cúpula das Américas

Alba defende que Cúpula das Américas exija fim do bloqueio a Cuba

"A premissa é o consenso. Não terá mais cúpula sem a participação de Cuba", destacou.

Em Brasília, onde se reuniu com o ministro de Relações Exteriores Antonio Patriota, o chanceler boliviano, David Choquehuanca, disse que a Alba ainda não decidiu se boicotará a cúpula, mas deu sinais de que isso não ocorrerá. "Ainda estamos discutindo isso. Não estamos em tempos de exclusão, mas de inclusão", disse.

Os EUA são contra a inclusão de Cuba na Cúpula das Américas. Segundo Washington, o país não atende aos pré-requisitos democráticos para participar da reunião.

Com informações de agências