Publicidade

Notícias relacionadas a: facebook

[Segundo relatou a Folha de São Paulo, após o ministro Luís Roberto Barroso determinar que o Google, Facebook, Twitter, Instagram e Whatsapp revelem ao TSE a contratação de impulsionamento de conteúdos “em favor do candidato eleito à Presidência da República, senhor Jair Messias Bolsonaro”, durante a campanha de 2018, as empresas deixaram perguntas sem respostas sobre o uso das plataformas.]

Redes sociais silenciam sobre influência na eleição brasileira

[Face Apoia a Bolsonaro]

Facebook remove maior rede de contas pró-Bolsonaro por envio de spam

[Deputado do PCdoB de SP pede apuração célere do TSE]

Orlando cobra do Facebook informações sobre vazamento de dados

[Facebook]

Facebook perde mais de US$ 100 bilhões em valor de mercado