Brasil

19 de janeiro de 2018 - 18h12

Símbolo da luta pela democracia, Lúcio Monteiro morre aos 73 anos


   
A notícia de sua partida causou profunda consternação entre a militância comunista e amigos. A presidenta nacional do PCdoB, deputada Luciana Santos, lamentou o ocorrido e manifestou solidariedade à família. “Com o coração tomado de tristeza, envio meu abraço solidário à família. Nossa militância lamenta sua partida, mas seu exemplo seguirá conosco animando e fortalecendo nossa luta”.

Durante anos, Lúcio foi membro da comissão de formação do PCdoB de Pernambuco e esteve à frente do partido no Cabo de Santo Agostinho. Atualmente integrava a assessoria técnica do vice-prefeito de Recife, Luciano Siqueira, que também lamentou o ocorrido e lembrou a trajetória de luta do amigo. “Guerreiro do povo, companheiro de luta, profunda tristeza pelo falecimento”, enfatizou Siqueira.

Em nota, o Presidente do Comitê Estadual do PCdoB de Pernambuco, Alanir Cardoso se solidariza com a família de Monteiro e destaca que ele foi um dos mais atuantes e combativos dirigentes do partido, onde, por décadas, contribuiu marcadamente para a formação de quadros e militantes comunistas.

O ex-prefeito do Cabo de Santo Agostinho, Elias Gomes divulgou nota de pesar onde afirma que iniciou sua vida pública pelas mãos de um grande Cabense e brasileiro, o camarada Lúcio Monteiro.

Segundo Elias, Monteiro era destemido, defensor intransigente das causas populares e enfrentou as oligarquias políticas. “Ele entra para a história do nosso município e será sempre lembrado como um dos seus filhos mais ilustres e grande defensor das camadas populares do Cabo de Santo Agostinho”.

O velório de Lúcio Monteiro será na Câmara Municipal do Cabo de Santo Agostinho, a partir das 17 horas desta sexta-feira (19) e o sepultamento será no sábado (20), às 9h.


 

Fonte: Portal do PCdoB

  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais