América Latina

8 de janeiro de 2018 - 16h16

México tem a inflação mais alta dos últimos 17 anos

Divulgação
México terá a inflação mais alta dos últimos 17 anos México terá a inflação mais alta dos últimos 17 anos

Especialistas do Santander dizem que o índice de preços ao consumidor, correspondente a dezembro – que deve ser divulgado nesta terça-feira (09/01) pelo Instituto Nacional de Estatística e Geografia – chegará a 6,7%, enquanto analistas do banco Banorte estimam em um incremento de 6,7%.

A carestia é a mais alta desde o ano 2000, quando houve uma inflação acumulada de 8,96%, de acordo com dados oficiais. A análise do Grupo Santander estima que, durante dezembro, os preços ao consumidor registraram um incremento de 0,52%.

As razões para a alta em dezembro, segundo o banco, são relativas a incrementos nos preços de alimentos processados, serviços como transporte aéreo e serviços turísticos, assim como em alguns produtos agropecuários e em combustíveis como gasolina e gás.

Já o Banorte aponta que a inflação em dezembro no México será causada, principalmente, pelos preços mais altos de frutas e verduras, particularmente do tomate. “Além disso, esperamos um forte aumento no componente de outros serviços, considerando o incremento das tarifas aéreas e dos serviços turísticos por conta do início da temporada de férias de dezembro”, afirmaram os analistas.

Para 2018, os especialistas do Banorte esperam que a inflação retome uma tendência de baixa já a partir da primeira quinzena de janeiro, fechando o ano em 4,3%.


Do Portal Vermelho, com La Jornada

  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais