31 de outubro de 2017 - 16h28

CMDM empossa três comunistas em Goiânia

   

Estiveram presentes na solenidade Thaís Moraes, da Comissão de Valorização da Mulher da OAB-GO, Lúcia Rincón, representado a União Brasileira de Mulheres – UBM e Alba Valéria, ex-presidente do Conselho, bem como uma representação da Secretária de Políticas Públicas para as Mulheres de Goiânia, Célia Valadão.

As conselheiras empossadas para o próximo triênio são:

Sidiana Soares, Presidenta do Centro Popular da Mulher (Presidência)
Beth Fernandes, do Fórum de Transsexuais de Goiás (Vice-Presidência)
Maria Elisa, da Secretaria Municipal de Educação e Esporte (Secretaria Geral)
Rosa Rangel, da Secretaria de Cultura (1º Secretaria)

Das quatro novas coordenadoras, Sidiana, Beth e Rosa são comunistas. A nova presidenta ressaltou a importância que o conselho ganha com os recentes ataques aos direitos humanos. “Estamos vivendo um período de perdas de direitos. A Reforma Trabalhista, por exemplo, que não poupa nem as mulheres grávidas, e a alteração da Lei Maria da Penha, que pode torna-la inconstitucional. Precisamos resistir a esse4s retrocessos e uma das saídas é ocupar os espaços de participação popular em defesa dos direitos conquistados, concluiu.


  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais