Brasil

21 de setembro de 2017 - 16h02

“Estão mexendo com quem não roubou”, afirma Lula

Ricardo Stuckert
   

"Não é porque estou acima de qualquer coisa. É porque eu não fiz o que eles dizem que eu fiz. Se eles estão acostumados a mexer com político que roubou, que fez corrupção, que enriqueceu e está com o rabo no meio das pernas, eles estão mexendo com um político que não roubou, que não tem medo deles e que a única coisa que tem é a sua honra para defender", afirmou Lula durante o lançamento da plataforma de debates O Brasil que o povo quer, da Fundação Perseu Abramo.

Em sua fala, Lula também criticou a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra ele no âmbito da Operação Zelotes e chamou a peça jurídica de "excrescência, da excrescência, da excrescência. Ele também qualificou os delegados responsáveis pelo inquéritos da Operação Zelotes como "verdadeiros analfabetos políticos", que precisam de uma formação melhor nesta área.

O ex-presidente também criticou as diárias pagas aos promotores da Lava Jato ao afirmar que "em vez de ficar ganhando as ricas diárias lá em Curitiba", eles deveriam visitar as cidades brasileiras para constatar se os prefeitos estão cumprindo uma lei criada no seu governo que prevê que 30% dos alimentos da merenda escolar seja adquirida de produtores rurais locais.

"Finalmente o PT acordou para o processo de criminalização que estão tentando fazer. Aquela história de criar um Power Point para dizer que o PT foi criado para ser uma organização criminosa, e que quando nós ganhamos nós montamos um governo para roubar o Brasil é a maior desfaçatez, mentira que alguém poderia fazer", destacou.


Fonte: Brasil 247

  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais