Brasil

8 de setembro de 2017 - 11h06

Janot quer apresentar nova denúncia contra Temer na próxima semana


Foto: Evaristo Sa/AFP
   
De acordo com com fontes próximas ao procurador, a denúncia deve ser oferecida na semana que vem. A primeira acusação foi por crime de corrupção passiva. Agora, a denúncia deve incluir delações anteriores à do Grupo J&F e também a do doleiro Lúcio Funaro, apontado pelas investigações como operador do esquema de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), deputado cassado.

Ainda que o acordo de delação esteja sob questionamento, a avaliação é de que as provas são "robustas e se fundamenta em outros pilares”, além da gravação de Temer feita pelo empresário Joesley Batista no Palácio do Jaburu.

Sobre o acordo de delação, Janot deverá pedir a anulação dos benefícios concedidos a Joesley Batista e aos executivos da JBS, que prestaram depoimento nesta quinta (7), negando que foram orientados pelo ex-procurador Marcelo Miller, que era da equipe de Janot. Eles alegaram que as afirmações gravadas eram apenas uma "conversa de bêbado”.


Do Portal Vermelho,  com informações de agências

  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais