Brasil

6 de setembro de 2017 - 14h56

Dilma rebate O Globo: "Jornalismo de guerra e manipulação rasteira"


Marcos Oliveira/Agência Senado
   
Para a presidenta, o jornal da família Marinho misturou propositalmente as duas capaz numa tentativa de "manipular" o leitor e passar a ideia de que os recursos pertenceriam a um esquema de corrupção operado pelo PT.

"Vergonha! Jornalismo de qualidade e isento não é praticado pela Globo e @JornalOGlobo. Exemplo de Jornalismo de Guerra e manipulação rasteira: capa @JornalOGlobo. Montagem: mala de $ Geddel e manchete Dilma e @LulapeloBrasil", escreveu Dilma em seu Twitter.



A Procuradoria Geral da República decidiu apresentar a denúncia envolvendo Lula, Dilma, Antonio Palocci, Guido Mantega, João Vaccari Neto e Edinho Silva, entre outros, exatamente um dia após a JBS revelar em áudio um suposto esquema que teria favorecido Joesley Batista e outros empresários em acordo de delação premiada. Nomes próximos do procurador-geral Rodrigo Janot, como o de Marcelo Miller, são investigados.

O deputado federal Paulo Pimenta (PT) também se manifestou, em suas redes sociais, contra a capa do jornal da família Marinho. "CANALHAS !! Jornal podre e golpista, ilustra matéria sobre denúncia fake de Janot contra Dilma e Lula, com foto da fortuna do PMDB/Geddel. Quando você quiser saber o que é jornalismo criminoso lembre dessa capa aqui !!", disse o parlamentar.

O jornalista George Marques foi outro que criticou. "A maior apreensão $$ em espécie da história e O Globo não conseguiu um título com o nome do suposto beneficiário, Geddel (PMDB)? Entrelinhas: por um instante o @JornalOGlobo sugere que as malas vinculadas a Geddel não são dele. Ah o jornalismo...", disse em seu Twitter.







Do Portal Vermelho, com informações de agências

  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais