Economia

16 de dezembro de 2016 - 15h55

Congresso aprova primeiro orçamento com congelamento de gastos 


Agência Senado
   
A proposta orçamentária fixa os gastos federais em R$ 3,5 trilhões no próximo ano, valor que inclui despesas com juros e amortização da dívida pública de R$ 1,7 trilhão.

O texto destina ainda R$ 306,9 bilhões para pagamento de pessoal na esfera federal, R$ 90 bilhões para investimentos das estatais e R$ 58,3 bilhões para investimentos com recursos do Orçamento Fiscal e da Seguridade Social. Essa última dotação subiu R$ 19 bilhões em relação à proposta original. O aumento decorreu de emendas de deputados e senadores às despesas de 2017.

O novo Orçamento projeta um crescimento da economia de 1% em 2017. O texto foi elaborado com um salário mínimo de R$ 945,80, 7,5% acima do valor atual de R$ 880,00.


De Brasília, com agências

  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais

MySQL server has gone away