Movimentos

1 de novembro de 2016 - 12h15

Universidade de Brasília é o ocupada contra a PEC da maldade


Reprodução
   
Carina Vitral, presidenta da União Nacional dos Estudantes (UNE) defendeu a legitimidade da ação. "A ocupação das escolas e das universidades contra os retrocessos do governo ilegítimo de Temer é com certeza um dos maiores movimentos de resistência dos estudantes brasileiros no período recente. A cada universidade, a cada escola ocupada, o que vemos são centenas de jovens mobilizados, debatendo a atual conjuntura política e os desafios para um país justo. Quem diz qualquer coisa contrária a isso simplesmente não conhece esse movimento. Não conhece a potência dessa juventude que vem escrevendo e transformando a sua própria história", afirmou em sua página do Facebook.

Em todo o país, segundo informações da Une e União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) já são mais de 150 universidades e 1.1000 colégios ocupados contra a PEC 55 e a Medida Provisória de Reforma do Ensino Médio, propostas pelo governo Temer.

Os estudantes afirmam que só sairão de suas escolas e universidades quando as medidas de sucateamento da educação forem revogadas.

Confira o vídeo no momento da aprovação da ocupação: 





Do Portal Vermelho 

  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais