América Latina

23 de junho de 2014 - 10h32

ONU analisa solicitação de Porto Rico por independência dos EUA


Telesur
Manifestantes saíram às ruas de Porto Rico pedindo independêcia dos Estados Unidos. Manifestantes saíram às ruas de Porto Rico pedindo independêcia dos Estados Unidos.
O texto da resolução que pede que os EUA permitam a independência do país caribenho foi apresentado por Cuba, com o apoio da Venezuela, Nicarágua, Equador e Bolívia, países que insistem em ressaltar o caráter latino-americano da ilha. O documento pede também a libertação do independentista Oscar López Rivera, preso político que já cumpriu 33 anos de cadeia nos EUA.

Na verdade, Porto Rico pertence aos Estados Unidos desde 1898, quando foi arrebatado militarmente (e posteriormente adquirido) da Espanha. As pessoas nascidas na ilha também são legalmente cidadãos estadunidenses desde 1917, apesar de não terem direito ao voto nos EUA.

No último domingo (22), diversas organizações independentistas marcharam pela soberania do país. Esta é 33ª vez que outros países adotam uma iniciativa sobre a causa porto-riquenha, segundo informou a presidenta do Movimento Independentista Nacional Hostosiano (Minh), Wilma Reverón Collazo.

A solidariedade de Cuba

Sobre a apresentação do projeto de resolução diante da ONU, o chefe da Missão de Porto Rico, Edwin González agradeceu o apoio de Cuba ao manifestar que “quando se promove o tema porto-riquenho em qualquer cenário internacional, Cuba sempre aparece como gestora”.

González recordou os profundos laços existentes entre as ilhas, desde as lutas pela independência no século 19. Ele disse ainda que, em 1972, Cuba impulsionou o caso de Porto Rico no comitê das Nações Unidas.

Atualizada às 10h45

Da redação do Portal Vermelho
Com informações da Telesur


  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais