Mundo

22 de janeiro de 2014 - 7h51

EUA e Coreia do Sul fazem conluio contra Coreia Popular


Essa decisão deriva de uma reunião do subsecretário estadunidense de Estado, William Burns, em visita ao país asiático, com o primeiro vice-ministro sul-coreano de Relações Exteriores, Kim Kyou-hyun.

Ambos os representantes governamentais também abordaram a situação no Nordeste da Ásia como parte de um diálogo iniciado no dia 7 de janeiro em Washington.

De acordo com a informação de Seul, os dois aliados priorizaram a questão nuclear da RPDC, para o que realizarão consultas com todos os envolvidos, entre eles a China.

A Coreia do Sul e os Estados Unidos têm agendadas manobras militares conjuntas para o final de fevereiro em um território próximo à República Popular Democrática da Coreia.

Nesses exercícios de guerra, com frequência anual, Washington põe em ação aviões e embarcações carregadas de bombas atômicas que constituem uma ameaça à paz e à estabilidade da região por sua marcada orientação contra Pyongyang.

Prensa Latina



  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais