Movimentos

6 de janeiro de 2010 - 15h46

Nação Hip-Hop Brasil realiza seu 3º Encontro Nacional


Oficinas e workshops ensinarão ao público novas formas e jeitos de dançar break, grafitar, manipular os toca-discos e a arte de rimar Oficinas e workshops ensinarão ao público novas formas e jeitos de dançar break, grafitar, manipular os toca-discos e a arte de rimar
O encontro está sendo construído por DJs, MCs, Breaking, Grafiteiros, Imprensa, Beat Boxing, Pichadores, Bikering, Skating e Rolering. Segundo André Cardoso, um dos articuladores e membro do site www.derua.com.br, qualquer pessoa que vê no Movimento Hip Hop, uma forma de dialogar com a juventude e transformar a sociedade é bem-vinda.

Encontro da Nação Hip Hop

A Nação Hip-Hop Brasil, entidade conceituada do hip hop, foi quem escolheu São Vicente como sede do 3º encontro nacional. Segundo os organizadores do evento, a cidade reúne as melhores condições para a atividade, que ocorrerá na cidade praiana durante o verão. Além disso São Vicente é um patrimônio histórico nacional, pois é a primeira cidade do país, no qual o encontro terá como tema: "Hip-Hop um mergulho na historia".

"A partir de São Vicente que foi construído a nação brasileira e será aqui que construiremos com mais de mil manos e minas do hip-hop do Brasil todo e artistas internacionais as ações da Nação Hip-Hop Brasil. A cidade não poderia ser outra." Fala confiante Aliado G, presidente nacional da entidade. O evento deve contar com parcerias como Ministério da Cultura, Prefeitura de São Vicente, Secretaria de Cultura dentre outras.

Show com Rappin Hood agita o encontro

O cantor e apresentador Rappin Hood se apresenta no dia 29 de janeiro nas areias de São Vicente, com muito rap do bom, dentro das atividades do encontro. O show é um dos destaques entre as atrações do 3° Encontro Nacional de Hip-Hop que vai sacudir o litoral, entre os dias 28 a 31 deste mês.

Diversas atividades entre oficinas e workshops vão interagir e ensinar ao público novas formas e jeitos de dançar break, grafitar, manipular os toca-discos e a um pouco da arte de rimar. Haverá também diversas palestras, debates e muita integração, que trará os integrantes do movimento de todos os cantos do país para se apresentarem nas areias da praia do Gonzaguinha em São Vicente.

Entretanto, nem só de shows vive o hip-hop. "A Nação Hip Hop entende o movimento como instrumento de transformação da juventude e, apesar de ser um encontro focado em Hip Hop, também serão discutidos temas transversais como educação, segurança, trabalho, meio ambiente, juventude carcerária, entre outros”, explica Danilo Otto, diretor da Juventude da prefeitura de São Vicente.

Todas as ações e atrações gratuitas e aberta ao público.

Por Luana Bonone, com www.juventude.gov.br e www.juventude.sp.gov.br



  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais