Brasil

23 de dezembro de 2012 - 0h00

Documentário sobre Guerrilha do Araguaia é lançado em Xambioá


Os relatos dos camponeses que vivenciaram a Guerrilha do Araguaia é o fio condutor do documentário Tocantins Terra Marcada, de Priscilla Lima. O filme, um dos contemplados pelo prêmio de audiovisual Cacá Diegues do edital 2011 de incentivo a cultura da Secretaria Estadual da Cultura, foi lançado nesta quinta-feira (20) no Hotel Andorinhas em Xambioá.


A sessão é especial para os personagens que ajudaram a compor o enredo da história que está fincada em solo brasileiro e tocantinense. Na década de 70 dezenas de militantes contrários à ditadura militar iniciaram a luta armada no baixo Araguaia, entre elas Xambioá. Quando o exército descobriu que havia um foco guerrilheiro no interior do país, partiu em perseguição.

Estima-se que dez mil oficiais tenham participado das operações que terminaram com pelo mais de 100 mortos e desaparecidos. Em meio ao conflito uma população que, mesmo desconhecendo o momento político do país, sofreu com as barbáries do regime.

Todos os entrevistados e seus familiares foram convidados para participar da sessão. Participaram também demais moradores de Xambioá e cidades vizinhas. A exibição foi aberta ao público e gratuita. O trailer do filme ainda não está disponível na internet.

Fonte: Da redação, com informações do Conexão Tocantins

Leia também:
Filme sobre Guerrilha do Araguaia será exibido em Goiânia
Prefeita de Xambioá quer retomar obras do Memorial do Araguaia
Militar que combateu guerrilha do Araguaia sofre escracho
Guerrilha do Araguaia é tema de livros lançados em Goiânia
Militares se exaltam em exibição de documentário sobre o Araguaia
  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais