Brasil

19 de dezembro de 2012 - 13h48

Ananias denuncia demissões em massa no Banco Santander 


“Faço esta denúncia, apelando à presidenta Dilma providências imediatas e rígidas contra esses que se utilizam das riquezas do nosso país e tratam tão perversamente nossos trabalhadores. O Santander não está demitindo na Espanha, que vive grave crise econômica, porque demite no Brasil?", indaga Ananias.

As informações apontam para aproximadamente cinco mil funcionários demitidos, em todo o Brasil. Para o parlamentar, as demissões representam um grave desrespeito aos trabalhadores. “São eles os responsáveis pelos lucros, correndo riscos diários, enfrentando assaltos e outras formas de violência, não reconhecidos pelo banco”, diz o deputado, solicitando que a direção do banco “retroaja imediatamente, suspendendo essas inexplicáveis demissões”.

O setor de maiores lucros, que são os bancos, trata perversamente seus funcionários, avalia o parlamentar, destacando que o Santander teve lucros de R$ 5,6 bilhões nos primeiros nove meses de 2012, somente no Brasil.

Da Redação em Brasília


  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais