Mídia

15 de outubro de 2012 - 8h27

João Brant: Contraponto online aos donos da mídia


A SIP tem sido, nos últimos anos, a principal porta voz dos donos da mídia no continente, mas suas ações não se limitam à defesa de interesses empresariais. Não por acaso, os momentos em que ela esteve mais em evidência tiveram relação com a busca de desestabilizar governos progressistas da região.

O debate já tem confirmada a participação de pesquisadores e ativistas da Argentina, Equador, Peru, Uruguai e Brasil, e vai acontecer num formato de programa de debate online, transmitido diretamente da Casa Fora do Eixo, em São Paulo, pela posTV (postv.org).

Às 17h30, o diretor de planejamento da AFSCA (órgão regulador para comunicação da Argentina), Luis Lazzaro, vai falar sobre a expectativa de adequação do grupo Clarín à lei de Serviços de Comunicação Audiovisual, aprovada em 2009. Entre os brasileiros confirmados estão o escritor Fernando Morais, o professor Emir Sader e os pesquisadores do campo das políticas de comunicação César Bolaño, Dênis de Moraes, Lalo Leal, Marcos Dantas, Murilo Ramos, Suzy dos Santos e Venício Lima. A programação completa, com horários, segue abaixo.

A campanha Para Expressar a Liberdade tem a participação de dezenas de entidades da sociedade civil. A ação da contraconferência é promovida pelo Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação e pela Frente Paulista pelo Direito à Comunicação e Liberdade de Expressão.

Programação Contraconferência - Liberdade de expressão na América Latina: de que lado está a SIP?


*João Brant é jornalista.

Fonte: Blog do Miro


  • VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENCAMINHAR

Últimas Mais