Aconteceu em
25 de abril
   
   
  "Abraço" ao Congresso: pressão popular frustrada  
  1984 - Dia das indiretas  
  Apesar da maior campanha de massas que já se viu no Brasil (8 milhões nas ruas em 100 dias), a emenda das Diretas não passa na Câmara. Tem 298 votos a favor (65 contra, 112 ausências), 22 menos que os 2/3 exigidos. Mas a ditadura sai do episódio ferida de morte.  
 
1925:
A Coluna Prestes expulsa por covardia Filinto Muller, futuro chefe de polícia da ditadura estadonovista.
   
1964:
Começa a escalada militar dos EUA no Vietnã.
   
1974:
Revolução dos Cravos abre crise revolucionária em Portugal. A ditadura brasileira dá asilo a vários salazaristas. Em contrapartida, grandes manifestações se solidarizam com a luta dos brasileiros.
O 25 de Abril
em cartaz
português
da época
   
1978:
A 16ª assembléia da CNBB, em Itaicy, SP, defende o estado de direito e a anistia.
   
1979:
Fim da fidelidade partidária imposta por lei, vigente desde 1978. No mesmo dia o sen. Teotônio Vilela troca a Arena pelo MDB.
   
1985:
Greve de 15 mil pára os trens na Grande S. Paulo.
   
1988:
Onda de greves na Polônia.
   
1995:
O chefe do exército argentino pede desculpas pelos "erros" da ditadura militar (30 mil desaparecidos).
   
1996:
300 funcionários do Incra são feitos reféns por 400 sem-terra acampados na sede do órgão, no Recife (PE).
   
1999:
Referendo na Venezuela. Mais de 80% dos votos por uma Assembléia Constituinte, proposta no início do governo de Chávez.
 
Escolha outro dia