Aconteceu em
13 de janeiro
   
  1825 - Dia do frei Caneca  

Fuzilado Frei Caneca, revolucionário republicano, herói da Confederação do Equador. O império autocrático sentenciou-o à forca (morte degradante), mas ele termina fuzilado por não se encontrar no Recife um carrasco, preso ou escravo, que aceitasse enforcá-lo.

Tela de Murillo La Grega

 
 
1698:
D. Pedro II de Portugal premia com 50 mil réis o cap. Furtado de Mendonça por "haver morto e cortado a cabeça do negro dos Palmares do Zumbi".
   
1898:
J'Acuse (Eu Acuso): Émile Zola denuncia a covardia da reação francesa no Caso Dreyfus. Terá que exilar-se por isso.
   
1963:
Golpe no Togo.
   
1964:
Conferência pan-árabe no Cairo de Nasser.
   
1970:
A Câmara aprova o decreto-lei da censura prévia em livros e periódicos.
   
1972:
Golpe militar em Gana.
   
1982:
O governo socialista da França reduz a jornada semanal de trabalho para 39 h.
   
1983:
A Mercedes/São Bernardo (SP) anuncia 2.900 demissões.
   
1999:
Morre em Itu, SP, aos 87 anos, o historiador marxista Nélson Werneck Sodré. Deixa mais de 50 livros.
Werneck
Sodré
   
1999:
O Banco Central amplia a banda de câmbio. Na prática, o Plano Real perde a âncora.
   
2004:
A revista Época divulga escândalo que envolve Waldomiro Diniz, ex-assessor de José Dirceu. Ensaio geral da operação oposicionista-midiática do "mensalão", no ano seguinte.
 
Escolha outro dia