Simão Yahia
27/07/2017 15h33

Ayatollah Araki, um missionário da Paz! Mas, qual Paz?

A visita do Ayatollah Araki ao Brasil vem causando debates, especialmente após a máquina de propaganda pró-Israel entrar em ação.

Eduardo Bomfim
27/07/2017 10h00

O Brasil e o excepcionalismo

A concepção do excepcionalismo norte-americano como sustentação da superioridade do indivíduo e da civilização anglo-saxônica ao que tudo indica parece estar perdendo a sua liderança nesse mundo multipolar que avança a passos rápidos nas primeiras décadas do século XXI.

José Reinaldo Carvalho
26/07/2017 10h42

O Professor Marco Aurélio Garcia

O desaparecimento do companheiro Marco Aurélio Garcia ocorreu num dos momentos mais difíceis da esquerda brasileira e latino-americana em busca incessante dos adequados meios e formas para conduzir com acerto e eficácia as lutas pela emancipação nacional e social de nossos povos.

Jaime Sautchuk
26/07/2017 9h24

Ciência pra quê?

Por diversos caminhos, governo golpista empoleirado no poder tem colocado freios nos recursos destinados às ciências no Brasil, alegando necessidade de corte nos gastos públicos. Comprova, assim, que o desenvolvimento científico é inimigo do obscurantismo.

Elder Vieira
25/07/2017 10h32

Hegemonismo não rima com Frente Ampla

Sexta que passou, postei em meu perfil no 'facebook' uma crítica ao hegemonismo e seus efeitos deletérios nas relações entre forças políticas que atuam em aliança ou em frente. A postagem refere-se a ato realizado em São Paulo, cuja chamada era "Dia de Mobilização em Defesa da Democracia, do Lula, contra as Reformas".

Marcelino da Rocha
25/07/2017 10h24

Fortalecer os sindicatos para proteger os trabalhadores

A reforma trabalhista, sancionada sem vetos em 13 de julho passado, representou o mais duro golpe à legislação do trabalho no País. Com uma única canetada, o presidente ilegítimo Michel Temer (PMDB) suspendeu ou restringiu mais de 200 direitos e conquistas dos trabalhadores brasileiros. Uma extensa legislação, construída ao longo de mais de cem anos, foi destruída em apenas 14 meses de um governo golpista e impopular.

João Guilherme Vargas Netto
25/07/2017 10h02

As quatro patas do molosso

A lei nº 13.467 de 13/07/2017 (duplo azar) já provoca um terremoto nas relações de trabalho no Brasil. Seus efeitos terão que ser enfrentados de modo sério porque a agressão aos direitos que materializa cria um clima de conflitos sem precedentes, ao mesmo tempo em que dificulta a ação sindical.

Antônio Augusto de Queiroz
24/07/2017 15h17

O teto de gasto, os serviços e os servidores públicos

A Emenda à Constituição nº 95/2016, que institui o novo regime fiscal com crescimento real zero da despesa não financeira por 20 anos, determina que o ajuste nas contas públicas será feito apenas pelo lado da despesa. Eventual aumento de receita não poderá ser gasto com despesa primária ou corrente, devendo ser integralmente destinado à redução do déficit ou à criação de superávit primário.

Urariano Mota
21/07/2017 11h00

Vinícius de Moraes hoje

Para estes dias de novo golpe no Brasil, vale a pena esta evocação e invocação de Vinícius de Moraes.

Adilson Araújo
20/07/2017 10h49

A hora é de luta e resistência

O relatório aprovado nesta quarta-feira (28), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), por 16 a 9, fere de morte a história do movimento sindical brasileiro que, ao longo de todo o século XX, resistiu e lutou contra as mazelas do capital e em favor dos direitos da classe trabalhadora.