Urariano Mota
09/02/2018 10h08

Clarice Lispector e o carnaval do Recife

“E quando a festa já ia se aproximando, como explicar a agitação que me tomava? Como se enfim o mundo se abrisse de botão que era em grande rosa escarlate. Como se as ruas e praças do Recife enfim explicassem para que tinham sido feitas. Como se vozes humanas enfim cantassem a capacidade de prazer que era secreta em mim. Carnaval era meu, meu”.

Joan Edesson de Oliveira
09/02/2018 9h21

Augusto dos anjos e o apedrejamento dos juízes

Nascido no Engenho Pau d’Arco, hoje município de Sapé, na Paraíba, o poeta Augusto dos Anjos é um dos grandes nomes da nossa literatura. A morte prematura, aos trinta anos, só lhe permitiu em vida a publicação de um livro, de rígida métrica e rimas preciosíssimas, “Eu”, ao qual se incorporaram outros poemas inéditos após a sua morte, passando a ser sistematicamente reeditado com o título de “Eu & outras poesias”.

Luciano Siqueira
08/02/2018 12h01

Quem é você, para onde vamos? 

Já em pleno carnaval, pois há dias em muitas cidades do país saem blocos de rua, as articulações políticas ganham um quê de fantasia, ainda que presas à realidade...

João Quartim de Moraes
08/02/2018 9h32

Moralistas imorais

Não somente entre os defensores das causas sociais e do desenvolvimento nacional autônomo, militantes da democracia, da causa do povo e do socialismo, mas também entre os brasileiros honrados, para os quais a coisa pública não se confunde com a “cosa nostra”, é fundada e forte a convicção de que o processo de Lula configura uma escandalosa farsa judiciária.

Jaime Sautchuk
07/02/2018 9h38

Um bispo de luta

Quando o padre Pedro Maria Casaldáliga Plá, nome que adotou no Brasil, chegou às margens do rio Araguaia, em 30 de junho de 1968, ele não tinha ideia de tudo o que o esperava naquele mundo diferente. Cinco décadas se passaram desde então, uma jornada de muita luta em favor dos mais fracos.

Elder Vieira
07/02/2018 9h35

Madalena

Ao cruzar o Jordão, não percebeu o espanto geral. Não era seu meneio — a anca pautando o tempo por sob a túnica fina aberta em fendas laterais —, nem seus enfeites de metal – colares, pulseiras, brincos.

As Cartas do Pai por Ivan Cosenza
06/02/2018 19h16

Rio de Janeiro, 6 de Fevereiro de 2018.

 .

João Guilherme Vargas Netto
06/02/2018 12h33

Vota mas não volta

Me diz o velho comunista que vive em mim: “As massas estão em movimento”.

Maria Valéria Duarte de Souza
06/02/2018 10h12

Para os donos do dinheiro, a democracia é um obstáculo

Um dos traços marcantes do atual momento social e político e que tem sido objeto de preocupação em vários países é o ressurgimento da chamada ultra-direita. Basta um breve olhar sobre o cenário nacional e internacional e poderemos constatar a ascensão de indivíduos e grupos que vociferam o ideário conservador e, em alguns casos, de caráter abertamente proto-fascista.

Pedro Luiz Teixeira de Camargo (Peixe)
06/02/2018 9h16

Ficha limpa: a autocrítica necessária

Em tempos de juízes midiáticos, onde o legislativo mostra-se cada vez mais autoritário e disposto a substituir o poder executivo, é preciso repensar algumas ações realizadas pelos governos de centro-esquerda que tiveram papel decisivo no caos social hoje instalado no país, afinal, nada melhor que aprender com o passado para não errar de novo no futuro.