Joan Edesson de Oliveira
14/07/2017 11h15

Não é por Lula, é por nós

Perguntam-me, alguns, porque tanto empenho em defender Lula, face à condenação imposta a ele pelo juiz de exceção. Perguntam-me se eu não acho que ele errou, e que deve pagar pelos seus erros. Perguntam-me se não é hora de acabar com o Fla x Flu político das últimas décadas e abrir espaço para novidades (embora às vezes o que se apresenta como novidade não passe do velho com uma roupa moderninha e bacana).

Zillah Branco
14/07/2017 11h08

Lula é um herói na história do Brasil

As nações em fase de colonização têm o povo no papel de heróis. A justiça, a liberdade, a fraternidade, a honra, permanecem na base empobrecida da sociedade acalentada pela capacidade de sobreviver sem apoios e manter a esperança para os seus filhos.

Urariano Mota
14/07/2017 11h00

A prova da falta de provas na condenação de Lula pelo juiz Sérgio Moro

Pensei em escrever que revolta a inteligência a última sentença de Sérgio Moro contra o ex-presidente Lula. Acrescentaria que não é possível, hoje, ser um humanista que não se revolte contra o concerto da direita brasileira. Mas acalmo, sereno o discurso e passo a indicar a prova da sentença sem provas do senhor Sérgio Moro.

João Guilherme Vargas Netto
14/07/2017 9h11

Lutar por recursos garantidos pela Constituição

É inegável que o movimento sindical dos trabalhadores sofreu uma derrota séria com a eliminação do caráter obrigatório da contribuição sindical; foi a mais grave agressão à estrutura sindical em toda a sua história e pode preceder a busca da extinção da unicidade sindical, garantida pela Constituição.

Luciano Siqueira
13/07/2017 17h15

A condenação de Lula e o nível da resistência democrática

Na luta política, há fatos que, embora previsíveis, quando consumados têm o dom de acirrar todas as contradições.

João Guilherme Vargas Netto
13/07/2017 10h29

Resistência

Na medida em que o movimento sindical dos trabalhadores foi se institucionalizando durante a história do capitalismo, alcançando legislações protetoras do trabalho e garantidoras do direito de greve e da organização sindical, a “linha” da correlação de forças na sociedade ultrapassou e sobrepujou a “linha” das relações do trabalho em cada empresa individual e mesmo em cada relação pessoal de trabalho.

Eduardo Bomfim
13/07/2017 10h23

À deriva

A condenação do ex-presidente Lula, com nítido caráter de perseguição política, o persistente e contínuo esfarelamento do governo Temer, associado ao anterior impeachment da ex-presidente Dilma, como retrato da vulgarização, banalidade, desse instituto constitucional ao longo da Nova República desde a promulgação da Constituição de 1988, a aprovação da reforma trabalhista profundamente contrária aos direitos dos assalariados, representam aspectos gravíssimos da atual crise estrutural brasileira

Paulo Tedesco
13/07/2017 10h12

É o digital, mané

Por mais que se comente sobre a tal crise da leitura, ou, para alguns, a do consumo de livros, parece que há mais do que situações pontuais de mercado do que querem nos fazem crer. Um algo para além dos os números e das perspectivas e possibilidades do livro e da leitura.

Luciano Rezende
12/07/2017 12h09

O papel da “aristocracia operária” no Golpe em curso

Por uma destas contradições típicas de uma sociedade de classes como a nossa, em uma economia diversificada e com o mundo do trabalho apresentando dinâmicas cada vez mais complexas e difusas, couberam aos governos Lula e Dilma, mais que quaisquer outros governos, impulsionar o protagonismo político da “aristocracia operária” a um patamar inédito na história de nosso país.

Jaime Sautchuk
11/07/2017 10h54

Os babacas da internet

Todas cidades ou mesmo pequenas vilas têm pelo menos um bobo (na minha infância era uma boba), que vagueia pelas ruas fazendo discursos nas portas de botecos, vendas, residências ou nas esquinas que houver. Fala o que lhe vier à cabeça, sem censura, pois ninguém presta atenção naquelas bobagens.